[ editar artigo]

Rotina - o meio do caminho é que define qual será o final dele

Rotina - o meio do caminho é que define qual será o final dele

Já parou para pensar quantas vezes você quis sair da inércia e tomar uma atitude de verdade sobre qualquer área da sua vida mas acabou não saindo do papel ou então do campo das ideias?

Se você só estava precisando de uma mãozinha pra começar eu vou te contar um pouquinho sobre como foi o meu processo entre sair da minha zona de conforto e começar a - de verdade - colocar em prática tudo aquilo que eu almejava para a minha vida nas minhas resoluções de ano novo!

Eu sempre me questionei muito sobre “quem é a pessoa que eu quero ser?”, isso se estende também para “pelo que eu quero ser lembrada ou reconhecida quando esquecerem meu nome naquela roda de conversa em que eu não estou?”.

Por este pensamento eu entendi que as pessoas se lembrarão de mim pelas minhas ações, pelas coisas que eu faço e falo, ou seja, pelas minhas marcas e por consequência essa é a minha identidade.

Então, tudo mudou quando eu decidi mudar a minha identidade, um passinho de cada vez, isso não quer dizer que você deva ou tenha que traçar os mesmos caminhos que os meus, isso é mais sobre autoconhecimento.

Por isso decidi incluir pequenos hábitos que fazem sentido para mim e para quem eu quero ser, esse foi o meu caminho:

1 - Meditar e praticar exercícios de respiração consciente;

As práticas meditativas são comprovadamente um dos principais caminhos para o autoconhecimento, aumento de produtividade e criatividade.

Isso porque ao praticar a meditação e respiração conscientes você diminui a ansiedade, ajuda a regularizar a sua pressão arterial e pode impactar até naquela insônia chata que vem te visitar!

2 - Criar uma rotina de movimento e exercícios físicos;

Primitivamente o nosso corpo foi criado para estar em movimento, para agir e estar sempre alerta, ele definitivamente não foi projetado para passar horas sentado frente à uma tela o dia inteiro!

Daí vem a ansiedade (de novo), a hiperatividade, e aqueles desconfortos em que a gente fica inquieto, esses são sinais de uma energia que está acumulada dentro de você pedindo socorro pra ser liberada!

Mexa-se!

3 - Organizar a minha rotina pessoal e profissional;

Ao criar uma rotina mais organizada eu que defino melhor os meu horários de trabalho - planejando o meu dia - e também uma rotina pessoal - dividida entre arrumar a casa, estudar, e me cuidar - treinei o meu cérebro para entender os momentos do dia para cada coisa.

Com isso tenho me sentido menos preguiçosa (claro que às vezes dá aquela moleza, mas melhorou muito!), mais produtiva e tenho conseguido fazer todas as coisas que me proponho até o final da semana.

Sou uma grande adepta dos calendários, agendas e post its. 😉

4 - Me colocar em situações saudáveis (de trabalho, alimentação, experiências, relacionamentos);

Estamos vivendo uma situação completamente diferente e inesperada, então tenho evitado me cobrar por não estar sendo tão afetuosa (to colocando a máscara de oxigênio em mim primeiro), mas gosto de dividir minha energia com outras pessoas quando estou sentindo que a minha está transbordando.

Como eu tenho dividido nas redes sociais, eu tenho prestado muito atenção na minha alimentação, a prática de alimentação intuitiva tá me fazendo muito bem. E eu amo estar estudando muito sobre isso para melhorar ainda mais, comer comida de verdade, com intenção tá fazendo toda a diferença.

5 - Tirar o pijama e colocar uma roupa confortável, mas apresentável, mesmo no home office.

No momento em que acordo e troco de roupa, parece que vira uma “chavinha” na minha cabeça que me diz: Bom dia gatinha, bora ali conquistar o mundo!

E é cultivando esses hábitos (e outros) que eu tenho conseguido viver melhor, me relacionar melhor com as pessoas ao meu em torno, tenho sido mais paciente, tenho me sentido mais equilibrada e mais focada nas minhas atividades!

E você? Quem você quer ser? Que tal começar hoje mesmo aquele plano que já está todo estruturado na sua cabeça, só esperando acontecer?

Comunidade Marketing de Gentileza
Ler conteúdo completo
Indicados para você