[ editar artigo]

BBB 21: conheça 3 estratégias de Marketing Humanizado utilizadas pelo programa

BBB 21: conheça 3 estratégias de Marketing Humanizado utilizadas pelo programa

Não se fala em outra coisa nas redes sociais: a estreia do BBB 21.  Que eu, particulamente, adoro (me julguem kkkk)

marketing humanizado - Drama Popcorn GIF by Alexander IRL

Essa semana foi divulgada a lista dos participantes da nova edição do programa, o reality da Globo foi citado 3 milhões de vezes no Twitter, três vezes maior do que o registrado dia 21 de janeiro de 2020, quando estreou a última edição. 

Mas o que isso tem a ver com Marketing Humanizado?

Primeiro vamos contextualizar o conceito de Marketing Humanizado

Bem, começando pelo principal, toda marca é criada e desenvolvida por alguém, e esse alguém tem sentimentos e emoções. Muitas vezes, percebemos que algumas marcas e falas de comunicação são robóticas e mecânicas.

Com o Marketing Humanizado você tem a capacidade de criar uma marca sensível ao consumidor, que se relaciona com o mesmo e é humanizado, criando uma conexão emocional com esse público. 

É nítido que o marketing hoje em dia mudou. Os consumidores estão mais exigentes, as pessoas desejam ser ouvidas e sentidas. Pessoas compram de pessoas, né?

Analisando todo o histórico do programa, separei 3 estratégias de Marketing Humanizado que vêm sendo aplicadas desde da última edição.

Tiago Leifert Dance GIF by Hachi South Man

1.Marketing de influência

Quando a Rede Globo anunciou que o BBB 2020 teria influenciadores digitais, logo, surgiu aquele burburinho nas redes sociais e, também, nos veículos especializados. “Será que vai dar certo?”. Afinal, o reality show sempre foi focado em anônimos.

E deu muito certo, tanto que eles replicaram a mesma estratégia para esse ano. 

Boninho, diretor do programa, viu nos influenciadores digitais um meio de alcançar um público que nem era nascido quando a primeira edição do BBB foi ao ar, ou, então, pessoas que não assistem mais à TV.

Ele usou isso para se aproximar e se conectar com outros públicos de forma personalizada. 

 

2. Storytelling

No ano passado, a cantora, atriz e influenciadora Manu Gavassi já era muito conhecida por boa parte do público, desde que surgiu na equipe da revista Capricho, ela usou sua participação para ampliar esse reconhecimento. 

Manu Gavassi gravou vários vídeos, em formato storytelling e tem postado no Instagram (Feed e IGTV) desde o início dessa temporada do BBB. Neles, Manu contou, de maneira divertida, como e porque aceitou participar do “retiro espiritual”.

Storytelling é uma ótima forma de humanizar sua marca, ele cria uma narrativa envolvente com palavras e recursos visuais.  Esse tipo de estratégia fez com que a Manu se conectasse ainda mais com seu público, que por sua vez ficava curioso com o próximo vídeo da cantora iria lançar.

 

3. Engajamento do público

Com uma estratégia de divulgação inteligente, o "BBB 21", antes mesmo de confirmar os participantes, já era um dos assuntos mais comentados na internet.

Isso porque a Globo começou a trabalhar as expectativas do público de maneira inteligente. A emissora já tinha prometido que repetiria o mesmo formato do programa do ano passado convidado pessoas anônimas e famosos/influenciadores.

Boninho começou a divulgar em suas redes que o jogo já havia começado, engajando o público a decifrar quem eram os cotados para o BBB 21. Ele fazia publicações no instagram com emojin e as pessoas ficavam comentando tentando adivinhar o que era. 

Assim, gradativamente, o público se viu fisgado pela curiosidade e o assunto ganhou uma visibilidade enorme antes mesmo de começar.  Há quem diga que alguns dos participantes famosos foram selecionados porque foram citados muitas vezes pelo público.

O relacionamento e a interação direta com o público é uma das formas de humanizar sua marca e que tem um grande poder de gerar bons resultados.

Fique ligado ao que as pessoas estão falando sobre sua marca e, se possível, responda aos comentários e sugestões de forma personalizada.

 

Pra concluir, você percebe como estratégias de marketing humanizado focadas no público geram engajamento para sua marca e aumentam as chances da sua marca ser reconhecida e admirada?

Vou dar mais um exemplo prático:

Sabe o garçom que te conhece pelo nome e sabe o seu pedido de cor? A encomenda que chega com um bilhete escrito à mão? O suporte que te entende e resolve seu problema super rápido?

Qualquer pessoa que teve um atendimento especial e personalizado sabe como pequenos detalhes fazem muita diferença em nossos comportamentos de consumo e na relação que temos com determinadas  marcas. 

Então,  converse com o seu público, entenda do que ele gosta, quais são seus hábitos. Mostre os porquês da sua marca, fale de igual pra igual. Assim, você vai conseguir criar e manter um relacionamento personalizado e se conectar e cativar cada vez mais com seu público.

Se quiser algumas dicas de como aplicar o Marketing Humanizado no seu conteúdo eu indico o artigo da Claudia Assis com  5 Maneiras de Fazer Marketing de Conteúdo Humanizado

 

Gostou do artigo?

Comente, eu quero saber se faz sentido pra você! =)

 

Comunidade Marketing de Gentileza
Natália Fontenele
Natália Fontenele Seguir

Empreendedora e consultora de marketing digital. Eu ajudo empreendedores e empresas a conquistarem as pessoas nas redes sociais e atraírem os melhores clientes com estratégias de marketing digital humanizado e construção de relacionamento honesto.

Ler conteúdo completo
Indicados para você