[ editar artigo]

As primeiras etapas para criar sua estratégia de Marca Pessoal

As primeiras etapas para criar sua estratégia de Marca Pessoal

Para criar uma estratégia de marca pessoal que seja bem-sucedida e agregue valor ao seu empreendimento, primeiro você precisa começar com uma base sólida. Muito parecido com uma casa, se houver rachaduras na fundação, não demorará muito para que tudo desmorone.

Embora estabelecer e definir claramente sua marca pessoal possa parecer muito demorado, é um investimento prévio de tempo. Depois que tudo estiver claramente desenvolvido e planejado, o restante do planejamento de negócios será muito fácil.

Também é importante observar, entretanto, que você também deve monitorar sua estratégia de marca à medida que seu negócio se desenvolve. O monitoramento deve fazer parte de sua administração. Com o tempo, se converterá em algo natural. Falaremos mais sobre isso posteriormente, mas primeiro vamos utilizar três perguntas para determinar a linha de base de sua marca.

À medida que avançamos, é essencial lembrar que tudo precisa ser definido com muita clareza. Se você está confuso sobre sua marca, seu público também ficará.

Qual é seu propósito?

 Esta é uma questão muito abstrata e confrontadora. É prudente observar que esta fase de desenvolvimento de sua estratégia de marca pessoal exigirá uma

reflexão profunda e pensamento introspectivo. Embora seja intenso, você conhecerá a si mesmo e a como você deseja que a sua vida seja. Melhor no final.

Você precisa ser capaz de se compreender, incluindo suas motivações e personalidade, a fim de aproveitar os melhores elementos para brilhar em sua marca pessoal.

Há várias coisas que precisam ser consideradas, e pessoas diferentes as valorizam de maneiras diferentes. Você precisa decidir quais são os atributos mais importantes e mais relevantes a serem manipulados em sua marca pessoal. Pode ser útil fazer uma lista respondendo as perguntas abaixo.

Quais são seus:

  • Sucessos anteriores?
  • Forças?
  • Metas?
  • Experiências?
  • Paixões?
  • Traços de personalidade?
  • Valores?
  • Crenças?
  • Interesses?

Quais são as palavras que você deseja usar e associar à sua marca? Escreva todas as coisas que você puder pensar para cada uma das categorias mencionadas acima.

Em seguida, analise e destaque aquelas que se destacam para você. Elas devem ser as mais importantes e as mais utilizáveis, que têm a capacidade de inspirar sua marca.

Não tenha medo de usar sua vida! Suas experiências, pontos fortes e ambições são o que fazem de você, você. Eles são o que farão seu público se conectar com você.

Quem é seu público?

Agora que descobriu um pouco mais sobre quem você é, você precisa selecionar seu público-alvo. Definir seu público-alvo significa que você pode adaptar seu conteúdo e marketing de forma específica e eficiente para eles.

Para fazer isso, pode ser útil criar uma imagem muito específica de um consumidor.

Primeiro, qual é o principal grupo demográfico de seu público-alvo? Isso inclui itens como:.

  • Idade
  • Localização
  • Gênero
  • Estilo de vida
  • Educação
  • Situação financeira
  • Uso tecnológico
  • Família / situação de moradia

 

Então, você precisa pensar sobre eles de uma forma mais psicológica.

  • O que eles querem?
  • O que eles precisam?
  • Que desafios eles enfrentam?
  • Em que eles acreditam?
  • Quais são suas atitudes e comportamentos?

 

Definir seu público-alvo o mais especificamente possível é uma ótima maneira de garantir que sua marca possa ser otimizada para seus clientes futuros em potencial.

Você precisa ter certeza de que as palavras que você escolheu para sua marca também ressoarão e refletirão bem em seu público - caso contrário, isso levará a sinais mistos e desempenho abaixo do ideal.

O que você tem a oferecer?

Com base em seu propósito e seu público, o que você pode fazer por eles? Por que é melhor do que tudo o mais no mercado?

Você está:

  • Facilitando a vida deles?
  • Resolvendo um problema que eles têm?
  • Resolvendo um problema que eles não sabem que têm?
  • Tornando a vida deles mais interessante ou divertida?
  • Ajudando a eles?
  • Ensinando algo a eles?

Seu objetivo, seu público e sua oferta combinados formam sua marca pessoal. A maneira como você se apresenta e se vende  precisa refletir esses três elementos para causar uma impressão positiva nos consumidores.

Depois de definir claramente todos os três, vale a pena escrever tudo em algum lugar. Estes constituem a visão da sua marca. Você deve verificar essas declarações de missão à medida que suas estratégias de marca progridem para garantir que você esteja no caminho correto.

Você deve ser capaz de dividi-los em algumas frases e é recomendável colocá-los em algum lugar para que possa consultá-los e se inspirar com sua marca pessoal — assim como seu público futuro o será!

 

Aguarde o próximo artigo: AS TRÊS CHAVES PARA O SUCESSO DE UMA MARCA PESSOAL CONFIÁVEL.

Comunidade Marketing de Gentileza
Francisco Camargo
Francisco Camargo Seguir

Nascido em 1958 em Adamantina/SP, sou conhecido como Dinossauro Digital , estou Empreendedor Digital😉, paixão por ajudar aos outros, amo minha esposa Carolina, minha família de 5 irmãos, meu Pet Nikko e sou um espiritualista com Jesus no coração. 🙏

Ler conteúdo completo
Indicados para você